Cidade

Vereadores propõe criação de programa de fomento à cultura periférica em Santa Bárbara d’Oeste

0
Os vereadores Júlio César Santos, o Kifú (PL), e Esther Moraes, do mesmo partido, protocolaram, nesta sexta-feira (8), o Projeto de Lei 74/2022, que institui o programa de fomento à cultura periférica em Santa Bárbara d’Oeste. A proposta prevê que a Secretaria Municipal de Cultura poderá apoiar financeiramente ou com estrutura e equipamentos os projetos e ações culturais propostos por coletivos artísticos e culturais em distritos ou bairros com elevados índices de vulnerabilidade social, especialmente em áreas periferias do Município.
De acordo com a propositura, esse programa tem por objetivos ampliar o acesso aos meios de produção e fruição dos bens artísticos e culturais pela população residente em distritos ou bairros com altos índices de vulnerabilidade social; consolidar o direito à cultura e diminuir as desigualdades socioeconômicas e culturais presentes nessas localidades; fortalecer e potencializar as práticas artísticas e culturais relevantes, com reconhecido histórico de atuação; além de descentralizar e democratizar o acesso a recursos públicos, em destaque a cultura. A seleção dos projetos poderá ser feita pela Prefeitura em conjunto com o Conselho Municipal de Cultura.
“Nossa iniciativa visa a valorizar as diversas manifestações culturais das periferias da cidade e movimentar a economia nessas comunidades menos favorecidas, oferecendo alternativas para manter os jovens longe da violência e das drogas, além de diversificar os tipos de eventos em nossa cidade”, explicam os vereadores. Segundo Esther e Kifú, nem sempre as pessoas residentes nas periferias têm oportunidades de trabalho ou de uma moradia digna, havendo a sua exclusão. “Movimentos de cultura periférica acabam funcionando como importantes propulsores dessa inclusão, em parceria com o Poder Público Municipal”, ressaltam, destacando que muitos artistas talentosos foram descobertos na periferia das cidades.
“Tem muita gente boa nas comunidades, que necessitam de chances para mostrar todo seu potencial. Essa é uma grande oportunidade para a Administração Municipal apoiar eventos culturais nas periferias, atendendo diversos pedidos populares, além de representar a luta de movimentos e associações que representam e dão voz às periferias de Santa Bárbara d´Oeste”, concluem.
sbnews

Inauguração da nova sede da OAB-SP de Santa Bárbara d’Oeste

Previous article

Iluminação pública: Comissão visita empresa e reforça a cobrança de pente-fino para troca de lâmpadas nas ruas da cidade

Next article

You may also like

Comments

Comments are closed.

More in Cidade